Sobre o som velho, moderno, o que arrepia e o assim assim bem como os outros todos

The Knack - My Sharona

 

publicado por Matovsky às 23:40 | link do post
tags: ,

Do álbum «A Casa do Oscar» homenagem a Tom Jobim. Letra de Chico Buarque.

publicado por JC às 21:24 | link do post
música: Joana Machado - Olha Maria

A Nessa colocou «A Naifa» e lembrei-me que ninguém fez referência à morte de João Aguardela. A vida é madrasta. Foi no passado dia 18 de Janeiro quando contava com apenas 39 anos. Foi um dos grandes investigadores e estudiosos das raízes populares da música portuguesa. A procura permanente de novos sons e de novas roupagens na sua abordagem musical fez dele um grande músico. A música portuguesa ficou mais pobre. RIP

 

Aqui deixo um dos seus grandes êxitos em jeito de homenagem. O quanto eu ouvi isto!

 

e mais esta!

 

e bora lá às raízes da música popular portuguesa

 Dele se diz-se:

 

«Faleceu ontem 18 de Janeiro de 2009 em Lisboa o músico João Aguardela, que faria 40 anos em Fevereiro. Vocalista, líder e fundador dos Sitiados, que fizeram enorme furor nos anos noventa, Aguardela foi também o mentor de projectos como Megafone (quatro discos de um trabalho muito pessoal, que cruza a recolha de música tradicional portuguesa com sonoridades electrónicas), Linha da Frente (formado por vocalistas de várias bandas nacionais interpretando textos de poetas portugueses) e A Naifa, o seu mais recente projecto com Luís Varatojo, com três álbuns editados e dezenas de concertos aclamados pela crítica e pelo público.


Criador com capacidades fora do comum, inovador, Aguardela soube antecipar tendênncias e lançar projectos esteticamente inéditos, sempre numa abordagem marcada pela defesa da língua e da cultura portuguesas.

Firme nas convicções, determinado nos objectivos , invulgar na forma de ser e estar na vida, desde sempre grangeou respeito e admiração no meio musical, ainda que nunca tivesse procurado o estrelato.

Vítima de cancro, morreu no Hospital da Luz, aos 39 anos. Deixa uma obra invejável e saudade à família e amigos. Como escreveu o João, «os dias sem ti/ são todos iguais/ são dias sem brilho/ são dias a mais».

Ricardo Alexandre, amigo do João.
 

in http://anaifa.blogspot.com/ 19 de Janeiro de 2009

publicado por JC às 20:52 | link do post
música: Sitiados

"O nome surgiu a partir de um trocadilho com baratas e guimbas de maconha, e então estava criada a Papa Roach. Suas maiores influências eram as bandas Faith No More e Primus, um som que misturava punk, grunge, alternative e hardcore."

 

Last Resort

 

Broken Home

http://www.dailymotion.com/video/k2M99okA3mc4XQ1Kf7

 

E esta é do último albúm - Metamorphosis

 

Lifeline

 

publicado por Matovsky às 15:28 | link do post

Paramore - Decode

 

publicado por Matovsky às 13:13 | link do post
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
14
22
27
28
comentários recentes
Para aqueles que não sabem.Os Petrus Castrus vão s...
[Error: Irreparable invalid markup ('<p [...] &...
FRUSCIANTEEEEEEEEEE... Sim sem duvida um grande no...
Então aqui deixo mais uma banda de Bristol, que te...
E eu, sem nunca lá ter estado, mas pelas bandas qu...
Saudades de Bristol...
http://www.youtube.com/watch?v=dXMQFhhATWM (http:/...
Estou fã!
God shave the Queen!!!
Gosto mais desta versão.
Posts mais comentados
6 comentários
6 comentários
5 comentários
5 comentários
5 comentários
5 comentários
subscrever feeds