Entendo o que dizes, também só vi uma vez. O Lars von Trier não sabe fazer um filme mau. O primeiro filme que vi dele foi «Os Idiotas», e fiquei logo rendido. Era a altura do manifesto Dogma 35 com o seu amigo Thomas Vinterberg , realizador de «A Festa». Depois vi a obra toda dele. Para mim é uns dos melhores senão o melhor da actualidade. Original, polémico e intenso são três dos adjectivos que o podem definir. Bjork depois deste filme disse que nunca mais trabalharia com ele, Nicole Kidman idem depois do brutal Dogville ». Ambas se sentiram esgotadas com os papéis atribuidos. Lars von Trier puxa a corda até ao limite e exige demasiado disseram. Parece que não é fácil trabalhar com ele, mas o cinema agradece. Mas para mim a melhor obra-prima dele é «Breaking the Waves » com Emily Watson .
JC a 20 de Setembro de 2008 às 19:49